ARTIGOS

 
09 - Presos no Trânsito, Ah Não!

Bill Mellinger
Em 19 de Agosto de 2016

As autoestradas do Sul da Califórnia são algumas das mais movimentadas do país. Às vezes, seis pistas ou mais, de sentido duplo, podem ficar paradas por horas. Quando eu pego um desses “estacionamentos” gigantes, eu começo a pensar sobre as pessoas nos carros em volta de mim. Eu me pergunto quantas pessoas naqueles carros sabem que Jesus morreu por elas, e que Ele irá dar-lhes vida se eles acreditarem nEle. Milhares de pessoas nesses carros estão indo à algum lugar que cada motorista  sabe o destino e o trajeto. Quantos deles conhecem o caminho para Céu? Quantos estão indo para o inferno?

Nesses momentos de meditação, eu pergunto ao Senhor: “como nós conseguimos alcançar o perdido?” Eu faço essa pergunta quando eu vejo um grande evento esportivo com milhares de pessoas nas arquibancadas e mais outras assistindo na televisão. “Jesus, eles te conhecem?”. Se não, como nós podemos alcançá-los com todos os outros barulhos do mundo? O fardo pelos perdidos pode ser esmagador às vezes.

Eu confesso que, juntamente com o peso pelos perdidos, eu sinto preocupação com o Corpo de Cristo. Nós estamos sinceramente envolvidos em fazer discípulos de todas as nações? Um dos homens em nossa célula sempre me lembra que nós temos um sério problema de desobediência na igreja norte-americana. Uma vez que conhecemos a Cristo e temos nossos nomes escritos no Livro da Vida do Cordeiro, temos algum trabalho mais importante do que compartilhar Cristo com as pessoas ao nosso redor, no nosso círculo de relacionamentos?

Muitos cristãos “maduros” dizem que não sabem como compartilhar o evangelho. Eu não acho que você pode ajudar a compartilhar o evangelho quando você desenvolve um relacionamento com alguém que não conhece Jesus. Talvez o problema é que nós somos oprimidos pelas massas ou tentamos pescar sozinhos.

Quando minha célula ora por meu relacionamento com o Dennis, eu não me sinto sozinha na jornada. Quando nós trabalhamos juntos para ajudar um vizinho, eu estou trazendo outros crentes para ajudar o próximo a ver Jesus em nós. Alguém nomeou isso como “rede de pesca”. O fato é, você pode pegar muito mais peixes com uma rede do que um gancho.

“Jesus, como nós vamos alcançar as massas?” Meu coração está pesado por eles. Eu ouço Jesus dizendo para alcançá-los um de cada vez para conhecermos eles; convidá-los para a Sua casa; conectá-los com outros crentes; e realmente cuidar para que eles estejam indo para o Céu, como Jesus faz. Essa é uma paixão e um fardo que está no coração da igreja em células. Eu também acho que isso toca o coração de Deus.

 




Artigos por tema




Artigos por Autor